Sociedade Esportiva Palmeiras

Galiotte promete fazer o possível para manter Dudu e vê Keno distante

0

O Palmeiras, com o elenco valorizado pelo título brasileiro, trabalha na montagem do grupo para a próxima temporada. Maurício Galiotte, presidente do clube alviverde, praticamente descarta a possibilidade de repatriar Keno e promete se esforçar para manter Dudu.

Vitimado por uma lesão no joelho, Willian precisará de seis a nove meses para retomar as atividades. Desde que o técnico Luiz Felipe Scolari pediu a contratação de um ponta para repor o desfalque, o nome de Keno, do Pyramids, passou a ser ventilado no Palmeiras.

“Eu acho muito difícil”, disse Galiotte sobre o veloz atacante em entrevista ao Fox Sports . “A posição que nos foi passada é que, no primeiro semestre, é impossível. Talvez, no segundo semestre, pode ser que ele volte ao Brasil. Eu acho difícil”, completou o dirigente.

Galiotte ainda comentou a situação de Dudu, que tem contrato até o fim de 2022. Assediado pelo Shandong Luneng no último mês de julho, o atleta pode voltar à mira de clubes chineses e, embora se diga feliz no Palmeiras, não garante a própria permanência para 2019.

“Já expliquei ao Dudu que o aspecto financeiro é importante, mas o Palmeiras hoje é uma vitrine, um time que vai disputar títulos. Então, a imagem dele fica muito em evidência. Precisa ponderar tudo isso. É querido pelo Felipão, pelo elenco e ídolo torcida. Vamos fazer o possível para que fique conosco”, prometeu Galiotte.

O Palmeiras já anunciou o volante Matheus Fernandes (Botafogo), o meia Zé Rafael (Bahia) e os atacantes Arthur Cabral (Ceará), Carlos Eduardo (Pyramids) e Felipe Pires (Hoffenheim). O clube presidido por Maurício Galiotte ainda pode contratar Ricardo Goulart (Guangzhou Evergrande).

Fonte: Gazeta Esportiva