São Paulo Futebol Clube

Elenco do São Paulo deixa o Morumbi pela porta dos fundos

0

O elenco do São Paulo deixou o estádio do Morumbi já na madrugada de quinta-feira por uma saída alternativa. Após a eliminação da equipe para o Talleres na Pré-Libertadores, a torcida tricolor prontamente se dirigiu ao portão principal do estádio para protestar, fato que levou os atletas a voltarem para casa através de um outro acesso do Morumbi.

Apenas quatro atletas do elenco tricolor passaram pela zona mista após a partida, enquanto o restante se dirigiu à saída alternativa do estádio. Os goleiros Jean e Denis Jr, o zagueiro Arboleda e o atacante Gonzalo Carneiro foram os que escolheram deixar o estádio pela porta da frente, mas nenhum deles falou com a imprensa.

Nem mesmo Raí, diretor de futebol do São Paulo, prestou esclarecimentos depois de mais uma partida em que o time teve um desempenho bem abaixo do aceitável. Passado o empate sem gols com o Talleres, apenas o técnico André Jardine conversou com a imprensa em entrevista coletiva, admitindo estar bastante decepcionado com mais um fracasso do clube.

“Estou bastante decepcionado. É momento de todos dentro do clube reconhecerem isso. Temos a expectativa de jogar um futebol muito melhor. A responsabilidade é minha, mas não custa lembrar que a dificuldade do São Paulo em se impor contra clubes menores no Morumbi vem de bastante tempo. Imagino eu que tenho capacidade. O problema ainda existe, e precisamos resolver. O São Paulo precisa ser capaz de jogar um futebol melhor, que a torcida está acostumada”, afirmou Jardine.

Enquanto Jardine se recompunha depois de mais uma derrota à frente do São Paulo, a torcida, do lado de fora, ordenava em alto e bom som a saída do treinador e também do diretor de futebol e ídolo do clube, Raí. Apesar da forte pressão, nenhuma decisão foi tomada logo após o jogo.

“Vocês que puderam me acompanhar na base e viram meu time jogando sabem o nível de futebol que pratico e admiro. Eu ainda não consegui, a verdade é essa. Teve momentos em que eu estive satisfeito, mas no jogo de hoje fomos abaixo, e a responsabilidade é minha. Quando jogadores com a qualidade que temos não jogam bem, a responsabilidade é minha”, completou.

O São Paulo volta a trabalhar na tarde desta quinta-feira após a eliminação frustrante na segunda fase da Pré-Libertadores. Fora de qualquer torneio continental nesta temporada, o Tricolor agora volta o foco para o Campeonato Paulista, torneio pelo qual entrará em campo no próximo domingo, quando visita o Corinthians, em Itaquera, onde jamais venceu.

Fonte: Gazeta Esportiva

Comentários

Comentários

Escrever um comentário